Loucos por Filmes

Loucos por Filmes

Destaques

Últimas

Navegue aqui

Scott Derrickson vai dirigir sequência de “Labirinto - A Magia do Tempo”

Uma sequência do filme foi anunciada originalmente em 2016, com Nicole Perlman (Detetive Pikachu) pronta para escrever o roteiro ao lado de Jay Basu e Fede Álvarez (A Morte do Demônio) anexados para dirigir
“Labirinto - A Magia do Tempo”

Depois de sair do tão esperado Doutor no Multiverso da Loucura no início deste ano, o diretor Scott Derrickson encontrou seu próximo projeto na forma de uma sequência do clássico Labirinto - A Magia do Tempo, estrelado por David Bowie, de acordo com o Deadline.

O filme original, que estreou nos cinemas em 1986, focou-se em uma garota de 16 anos chamada Sarah (Jennifer Connelly), enquanto ela tentava chegar ao centro do labirinto sobrenatural titular para resgatar seu irmão mais novo, Toby, de Jareth o Rei dos Duendes (Bowie), a quem ela desejava que ele fosse embora. Foi um fracasso nas bilheterias após o lançamento, enquanto recebia uma recepção bastante calorosa dos críticos e se tornaria um clássico cult nos anos seguintes, gerando romances vinculados, videogames, exibições perenes e um baile de máscaras anual dos fãs.

Uma sequência do filme foi anunciada originalmente em 2016, com Nicole Perlman (Detetive Pikachu) pronta para escrever o roteiro ao lado de Jay Basu e Fede Álvarez (A Morte do Demônio) anexados para dirigir, mas depois de definhar no inferno do desenvolvimento, esse projeto foi arquivado, com o novo projeto sendo uma visão diferente do conceito.

A nova sequência será escrita por Maggie Levin, que escreveu e dirigiu Into the Dark, com Lisa Henson da The Jim Henson Company, enquanto Brian Henson será o produtor executivo ao lado de Derrickson e seu colaborador frequente C. Robert Cargill (A Entidade).

Derrickson começou a fazer seu nome no mundo do terror no início de sua carreira, ajudando a co-escrever Lenda Urbana 2 e co-escrevendo e dirigindo o filme Hellraiser V: Inferno,  antes de fazer sua estréia como diretor no cinema com O Exorcismo de Emily Rose. Ele continuaria com o sucesso de 2012 A Entidade, favorito dos fãs, e o sucesso de  bilheteria de 2014, Livrai-nos do Mal, antes de tentar o gênero de sucesso de bilheteria do Universo Cinematográfico da Marvel, com Doutor Estranho. Ele deveria retornar como co-roteirista e diretor para sua próxima sequência, mas depois de reportar diferenças criativas entre ele e a Marvel Studios, ele saiu do projeto com Sam Raimi (Trilogia do Homem-Aranha) assumindo o sua antiga função.


Deixe sua opinião:)

Mostrar comentários 💬