Loucos por Filmes

Loucos por Filmes

Destaques

Últimas

Navegue aqui

Jamie Foxx diz que Pantera Negra abriu a porta para o reboot de “Spawn”

Foxx pode ser visto em outro filme de “super-heróis”, Projeto Power, que estréia nesta sexta (14) na Netflix.
Jamix Foxx

O cenário dos filmes de super-heróis passou por grandes mudanças nos últimos anos. Os estúdios estão trazendo novos talentos para contar histórias com personagens de uma ampla variedade de origens diferentes. Seu objetivo final é aumentar a representação na tela grande. E para muitas pessoas, incluindo o futuro astro do reboot de Spawn, Jamie Foxx, o sucesso do Pantera Negra da Marvel Studios em 2018 abriu o caminho para que essas mudanças tenham efeito.

T'Challa de Chadwick Boseman não foi o primeiro super-herói negro a estrelar seu próprio filme. Mas a atuação de Michael Jai White no filme de Spawn em 1997 não foi tão bem recebida. Foxx foi contratado desde 2018 para interpretar uma nova versão de Spawn, escrita e dirigida pelo criador Todd McFarlane. E em uma nova entrevista com o Yahoo, Foxx expressou sua crença de que a chegada do Pantera Negra torna este o momento perfeito para Spawn retornar aos cinemas.


Eu surpreendi Todd McFarlane”, disse Foxx. “Eu disse, 'mano, eu sei que um dia você fará este filme, e espero que você me lembre.' O que o Pantera Negra fez foi nos dizer que é muito necessário e que é a hora. E Spawn é apenas um personagem interessante em si. As cabeças que estão sendo colocadas juntas para trazer a você algo especial - cuidado.”

Independentemente disso, a reinicialização de Spawn continua a atingir um aumento de velocidade após retomar seu caminho para a produção. McFarlane geralmente aceitou a responsabilidade pelo atraso do filme. Mas no início desta semana, ele disse a Joe Quesada que algum “grande talento” não identificado acaba de entrar no projeto.

Jamie Foxx (Django Livre) assume o papel do personagem-título no reboot, com Jeremy Renner (Vingadores: Ultimato) retratando “Twitch” Williams, o detetive particular que cruza o caminho do super-herói demoníaco de tempos em tempos.

McFarlane confirmou anteriormente que a nova versão será “sombria e para maiores”, chegando ao ponto de dizer que seria mais severo do que Deadpool. McFarlane também revelou que o orçamento para o filme será de apenas US$ 10 milhões a US$ 12 milhões, um orçamento atípico para um filme de super-heróis (que chega a centenas de milhões na Marvel Studios e DC), mas que está nos padrões de produção da Blumhouse. Com o baixo orçamento em mãos, McFarlane pretende fazer o próprio marketing do filme direto do set à medida que a produção avance.

Com o anti-herói titular aparentemente não falando nada no filme, isso deixa a maioria dos diálogos do reboot sob Twitch. Nos quadrinhos, Twitch trabalha ao lado de seu parceiro, Sam Burke. Os dois detetives inicialmente caçam Spawn devido aos métodos extremos e letais do super-herói, mas depois formam um respeito invejoso e uma aliança com Simmons quando confrontados com as forças demoníacas do Inferno.

Aparecendo pela primeira vez em Spawn #1 de 1992, o personagem rapidamente se tornou o símbolo dos quadrinhos antiquíssimos da obscuridade brutal dos anos 90. Seus poderes permitem que ele se teletransporte, mude de forma, se regenere e use uma variedade de armas (principalmente correntes) em combate.

Spawn apareceu nas telonas em 1997 com Michael Jai White (O Lutador) no papel principal e depois na televisão com uma minissérie animada da HBO.

O novo filme estava previsto para chega aos cinemas em algum momento de 2019, mas com os atrasos de produção certamente receberá um novo cronograma em breve.

Foxx pode ser visto em outro filme de “super-heróis”, Projeto Power, que estréia nesta sexta (14) na Netflix.

Deixe sua opinião:)

Mostrar comentários 💬