Loucos por Filmes

Loucos por Filmes

Destaques

Últimas

Navegue aqui

Todd McFarlane confirma que Jamie Foxx ainda está ligado ao reboot de “Spawn”

Jamie Foxx (Django Livre) assume o papel do personagem-título no reboot, com Jeremy Renner (Vingadores: Ultimato) retratando “Twitch” Williams, o detetive particular que cruza o caminho do super-herói demoníaco de tempos em tempos.
Jamie Foxx

De acordo com o ComicBook, Todd McFarlane confirmou que o vencedor do Oscar Jamie Foxx (Ray, Django Livre) ainda está ligado à reinicialização de Spawn. McFarlane limpou o ar depois que ele revelou recentemente durante uma entrevista com Shoryken que um “cara vencedor do Oscar” havia deixado o projeto sugerindo rumores de que a pessoa era Foxx, mas McFarlane esclareceu que ele estava realmente se referindo a um escritor que teve que sair devido a conflitos de agenda.

Durante a entrevista com Shoryken, McFarlane revelou que se sente confiante: “Hollywood é um lugar diferente agora; eles entendem o valor do que Spawn pode trazer para um orçamento razoável.

McFarlane acrescentou que ele tem algumas exigencias para o filme, no entanto: “Eu tenho muito poucas exigências para o filme. Tem que ser classificado para maiores, não há debate sobre isso. Com a história que quero contar, minha intenção remonta à Spawn Cloud. Estou menos preocupado com o que acontece no filme, desde que Spawn seja "legal" e "durão". A última exigências é que eu sou o diretor. É isso aí. Todo o resto está aberto para conversar. Eu só quero mostrar que existem maneiras melhores e mais inteligentes de entreter uma audiência do que a que elas estão acostumadas. Muito mais é possível quando você se abre para as histórias classificadas para maiores. Mas não posso simplesmente fazer uma versão em papelão, preciso do orçamento para fazê-lo. Apenas o suficiente para fazer o caminho certo.

Jamie Foxx (Django Livre) assume o papel do personagem-título no reboot, com Jeremy Renner (Vingadores: Ultimato) retratando “Twitch” Williams, o detetive particular que cruza o caminho do super-herói demoníaco de tempos em tempos.

McFarlane confirmou anteriormente que a nova versão será “sombria e para maiores”, chegando ao ponto de dizer que seria mais severo do que Deadpool. McFarlane também revelou que o orçamento para o filme será de apenas US$ 10 milhões a US$ 12 milhões, um orçamento atípico para um filme de super-heróis (que chega a centenas de milhões na Marvel Studios e DC), mas que está nos padrões de produção da Blumhouse. Com o baixo orçamento em mãos, McFarlane pretende fazer o próprio marketing do filme direto do set à medida que a produção avance.

Com o anti-herói titular aparentemente não falando nada no filme, isso deixa a maioria dos diálogos do reboot sob Twitch. Nos quadrinhos, Twitch trabalha ao lado de seu parceiro, Sam Burke. Os dois detetives inicialmente caçam Spawn devido aos métodos extremos e letais do super-herói, mas depois formam um respeito invejoso e uma aliança com Simmons quando confrontados com as forças demoníacas do Inferno.

Aparecendo pela primeira vez em Spawn #1 de 1992, o personagem rapidamente se tornou o símbolo dos quadrinhos antiquíssimos da obscuridade brutal dos anos 90. Seus poderes permitem que ele se teletransporte, mude de forma, se regenere e use uma variedade de armas (principalmente correntes) em combate.

Spawn apareceu nas telonas em 1997 com Michael Jai White (O Lutador) no papel principal e depois na televisão com uma minissérie animada da HBO.

O novo filme estava previsto para chega aos cinemas em algum momento de 2019, mas com os atrasos de produção certamente receberá um novo cronograma em breve.


Deixe sua opinião:)

Mostrar comentários 💬