Loucos por Filmes

Loucos por Filmes

Destaques

Últimas

Navegue aqui

Novo trailer de “Top Gun 2: Maverick” leva você para a zona de perigo

Tom Cruise de volta, 34 anos depois, em um dos papeis mais icônicos de sua carreira: o piloto Pete “Maverick” Mitchell de ‘Top Gun - Ases Indomáveis’, filme lançado em 1986 que ganhou milhares de fãs e se tornou um clássico da época.


A Paramount Pictures divulgou um novo trailer para a aguardada sequência Top Gun: Maverick, apresentando Tom Cruise de volta, 34 anos depois, em um dos papeis mais icônicos de sua carreira: o piloto Pete “Maverick” Mitchell de ‘Top Gun - Ases Indomáveis’, filme lançado em 1986 que ganhou milhares de fãs e se tornou um clássico da época.

‘Top Gun: Maverick’ traz ainda no elenco Jon Hamm (Em Ritmo de Fuga), Ed Harris (série Westworld), Lewis Pullman (Os Estranhos: Caçada Noturna), Glen Powell (Estrelas Além do Tempo), Jennifer Connelly (Uma Mente Brilhante), Miles Teller (Whiplash),  Thomasin McKenzie (O Hobbit), Charles Parnell (Transformers: A Era da Extinção), Jay Ellis (No Ritmo do Coração), Bashir Salahuddin (Gringo), Danny Ramirez (Assassination Nation), Monica Barbaro (série Chicago Justice) e Val Kilmer de volta como Iceman.

Dirigido por Joseph Kosinski (Oblivion), o longa está previsto para chegar aos cinemas brasileiros em 25 de junho de 2020.
Confira o vídeo legendado e pôster inédito abaixo.



Depois de mais de 30 anos servindo a marinha como um dos maiores pilotos de caça, Pete “Maverick” Mitchell (Tom Cruise) continua na ativa, se recusando a subir de patente e deixar de fazer o que mais gosta, que é voar. Enquanto ele treina um grupo de pilotos em formação para uma missão especial que nenhum “Top Gun” em vida jamais participou, ele encontra Bradley Bradshaw (Miles Teller), que tem o apelido de “Rooster”, o filho do falecido amigo de Maverick, o oficial Nick Bradshaw (Anthony Edwards), conhecido como “Goose”.
Enfrentando um futuro incerto e lidando com fantasmas de seu passado, Maverick confronta seus medos mais profundos em uma missão que exige sacrifícios extremos daqueles que serão escolhidos para executá-la.
O produtor Jerry Bruckheimer afirmou que o filme vai lidar com a ascensão dos drones e pilotos não tripulados se tornando uma coisa do passado.

O primeiro filme ganhou o Oscar de Melhor Canção Original por “Take My Breath Away”, de Berlin. Em 2015, a Biblioteca do Congresso dos Estados Unidos selecionou o filme para preservação no National Film Registry, considerando-o “culturalmente, historicamente ou esteticamente significativo”.




Deixe sua opinião:)

Mostrar comentários 💬