Loucos por Filmes

Loucos por Filmes

Destaques

Últimas

Navegue aqui

Marvel não vai mudar a data de lançamento de “Viúva Negra”

A situação com o coronavírus no exterior levou a uma grande queda nas receitas das bilheterias internacionais, graças ao fechamento dos cinemas para impedir a propagação da doença.
“Viúva Negra”

Apesar das preocupações com o coronavírus em todo o mundo, a Disney aparentemente está traçando uma linha na areia quando se trata da data de lançamento de Viúva Negra da Marvel Studios.

Segundo o Deadline, a notícia vem logo após a decisão da MGM de adiar o lançamento do novo filme de James Bond, Sem Tempo Para Morrer. O 25º filme de Bond foi originalmente previsto para ser lançado em 10 de abril, mas foi adiado até novembro.

A situação com o coronavírus no exterior levou a uma grande queda nas receitas das bilheterias internacionais, graças ao fechamento dos cinemas para impedir a propagação da doença. Mesmo em mercados onde os cinemas estão abertos, as pessoas ainda não querem ir aos espaços públicos por temerem potencialmente pegar o vírus.

Mais importante, isso causou um crescimento gigantesco de filmes não lançados. Após a reabertura dos cinemas, agendadores em mercados como a China terão que encontrar maneiras de se espremer em grandes lançamentos.

Os filmes da Marvel Studios têm sido consistentemente grandes sucessos nos mercados estrangeiros. Capitã Marvel de 2019 recebeu US$ 456 milhões em todo o mundo em seu primeiro fim de semana de abertura, com 35% desse valor vindo da Ásia.

Se os cinemas estrangeiros não forem abertos novamente até a data de lançamento em 1º de maio, Viúva Negra poderá facilmente perder mais de uma centena de milhões de dólares, e mesmo se houver uma programação superlotada ainda pode significar menos receita para o filme. O lançamento de Viúva Negra fora de maio pode ter perdas semelhantes no mercado norte-americano, já que maio começa a temporada de blockbusters de verão que poderia facilmente lançar o filme na faixa do bilhão de dólares. No entanto, o mercado externo ainda pode recuperar essas perdas se o filme for lançado após o surto.
Scarlett Johansson retorna como Natasha Romanoff, uma espiã e assassina que cresceu sendo treinada pela KGB antes de se libertar e se tornar uma agenda da SHIELD e uma vingadora. O filme é ambientado após os eventos de Capitão América: Guerra Civil, mas antes de Vingadores: Guerra Infinita.
A estreia no Brasil está marcada para 30 de abril.

Deixe sua opinião:)

Mostrar comentários 💬