Loucos por Filmes

Loucos por Filmes

Destaques

Últimas

Navegue aqui

James Gunn confirma que o final de Ultimato não afetará “Guardiões da Galáxia Vol. 3”

Por causa das principais coisas que aconteceram com os Guardiões em Guerra Infinita e Ultimato, incluindo Thor se juntando ao time para sua próxima missão espacial e, principalmente, a morte de Gamora e sua versão mais nova perdida
Guardiões da Galáxia

Já se passaram mais de sete meses desde a última vez que vimos os Guardiões da Galáxia em Vingadores: Ultimato, da Marvel Studios, que foi um dos maiores eventos cinematográficos deste ano e atualmente é o filme de maior bilheteria de todos os tempos.

Por causa das principais coisas que aconteceram com os Guardiões em Guerra Infinita e Ultimato, incluindo Thor se juntando ao time para sua próxima missão espacial e, principalmente, a morte de Gamora e sua versão mais nova perdida em algum lugar no presente, muitos fãs de franquia estão se perguntando como esses eventos mudarão o roteiro de James Gunn para Guardiões da Galáxia Vol. 3.

Em uma recente sessão de perguntas e respostas com fãs no Instagram, Gunn confirmou oficialmente que, embora ele sempre faça alterações em seus scripts antes que qualquer um de seus filmes entre em produção, o script que ele já havia escrito para o Vol. 3 não será alterado devido aos eventos de Ultimato. Gunn explicou ainda que ele já sabia o que aconteceria em Ultimato antes mesmo de começar a escrever o Vol. 3.

“O script mudará porque meus scripts sempre mudam até o momento em que eu os filmo. Mas isso não vai mudar de acordo com nada do Ultimato, porque eu já sabia o que estava naquele roteiro antes de escrever Guardiões 3”, Gunn esclareceu (via Comic Book Movie).

Gunn, que escreveu e dirigiu os dois primeiros filmes dos Guardiões, foi originalmente escalado para voltar e dirigir a tão esperada terceira parte da franquia de quadrinhos, mas após controvérsias envolvendo tweets publicado há alguns anos, a Disney cortou os laços com o diretor e produtor de 52 anos, forçando o estúdio a adiar o projeto e procurar um cineasta de primeira linha para substituí-lo.

Depois de meses de apoio generalizado de fãs e todo o elenco dos filmes e discussões nos bastidores entre a Disney e Gunn, ele foi reintegrado para escrever e dirigir o terceiro capítulo. A Casa do Mickey permitirá que Gunn termine a produção de Esquadrão Suicida 2, pelo qual ele assinou alguns meses após sua demissão.

A filmagem principal de Esquadrão Suicida 2 começou em Atlanta, Georgia, em setembro, com a data de lançamento marcada para 5 de agosto de 2021.

O primeiro Guardiões da Galáxia foi um sucesso da segunda fase do Universo Cinematográfico Marvel, arrecadando quase US$ 775 milhões nas bilheterias e ganhando elogios da crítica por abundância de humor, história emocional e direção única de Gunn, além de sua trilha sonora, tornando-se o primeiro álbum de se gênero, consistindo de músicas lançadas anteriormente, a ir para o topo da Billboard 200. O segundo filme chegou aos cinemas três anos depois e provou ser um sucesso quase igual ao seu antecessor, arrecadando mais de US$ 800 milhões e ganhando mais aclamação da crítica e do público, que continuaram elogiando performances, direção, trilha sonora e história.

Embora a próxima aventura solo da equipe não tenha data de lançamento definida, a produção está prevista para começar no próximo ano, sendo possível que o filme chegue aos cinemas em algum momento de 2022.


Deixe sua opinião:)

Mostrar comentários 💬