Loucos por Filmes

Loucos por Filmes

Destaques

Últimas

Navegue aqui

“Bad Boys 3” está perto de entrar em desenvolvimento

O muito atrasado Bad Boys 3, que sofreu mudanças de diretoria, numerosas reescritas de roteiro e uma data de lançamento em constante mudança, pode finalmente ganhar o sinal verde.
“Bad Boys 3”

O muito atrasado Bad Boys 3, que sofreu mudanças de diretoria, numerosas reescritas de roteiro e uma data de lançamento em constante mudança, pode finalmente ganhar o sinal verde.

De acordo com a Variety, a Sony Pictures está muito perto de liberar o desenvolvimento para a sequência do filme de ação de Michael Bay, estrelado por Will Smith e Martin Lawrence, conforme o mais recente roteiro, escrito por Chris Bremmer (Padrinhos Ltda.), chegou à uma conclusão agradável para o estúdio.

Smith já se comprometeu com o filme, mas Lawrence ainda não assinou oficialmente, embora fontes comerciais afirmem que ele está a bordo do projeto. “Se nós vamos fazer outro 'Bad Boys' depois de 15 anos, ele deve ser o próximo nível”, disse o presidente da Columbia Pictures, Sanford Panitch.

Bad Boys For Life será dirigido pela dupla Adil El Arbi e Bilall Fallah, que escreveram e dirigiram Black, uma história sobre crime organizado na Bélgica. Os cineastas belgas também foram contratados para dirigir Um Tira da Pesada 4, ainda em fase de desenvolvimento. Jerry Bruckheimer retornará na produção.

Em março do ano passado o escritor/diretor Joe Carnahan (Esquadrão Classe A) saiu do comando de Os Bad Boys 3, depois que o projeto esteve em desenvolvimento por algum tempo, para assumir a direção do remake de Operação Invasão.

Após inúmeros adiamento, em maio o filme datado para 16 de janeiro de 2020, onde permanece. O título Bad Boys Para Sempre (Bad Boys for Life), é uma referência ao famoso lema de Will Smith e Martin Lawrence na franquia: “andamos juntos, morremos juntos, Bad Boys for Life”.

O Bad Boys original foi lançado em 1995 com direção de Michael Bay e arrecadou US$ 65 milhões mundialmente. Bay e a dupla principal retornou em 2003, na sequência que faturou US$ 273 milhões pelo mundo.

Deixe sua opinião:)