Loucos por Filmes

Loucos por Filmes

Destaques

Últimas

Navegue aqui

Vidro | Primeiras reações ao crossover de “Corpo Fechado” e “Fragmentado” são negativas

A conclusão muito esperada recebeu suas primeiras reações de críticos americanos, mas para a decepção dos fãs, elas não são positivas.
Vidro

Dezenove anos depois do lançamento de “Corpo Fechado”, a saga que envolve “Fragmentado” (2016) chega ao fim com “Vidro”, dirigido mais uma vez por M. Night Shyamalan. A conclusão muito esperada recebeu suas primeiras reações de críticos americanos, mas para a decepção dos fãs, elas não são positivas.

Confira algumas críticas:
Variety: “o filme é uma decepção porque estende e abusa dos conceitos de ‘Fragmentado’ sem a sensação de uma descoberta mística sombria que tornou o filme inesquecível”.

Entertainment Weekly: “aquele ar inesperado de Shyamalan não aparece em ‘Vidro’. Nós já vimos isso antes e agora temos apenas mais do mesmo. Sim, é fácil se impressionar com o mundo que ele criou, mas seria melhor se fôssemos movidos para sentir algo. No fim, ‘Vidro’ é um copo meio cheio e meio vazio”.

Forbes: “é uma tremenda decepção e uma falha artística monumental de um dos meus cineastas favoritos. O filme acrescenta pouco valor aos seus antecessores e além de não oferecer nada ao seu gênero ele polui toda a mitologia delicadamente construída. Funciona quase como uma fanfic inadequada para ‘Fragmentado’”.

Slashfilm: “conforme assistia ‘Vidro’ eu desesperadamente procurava por algo para me segurar, como um homem afogando tentando preservar a vida. Eu apoiei e admirei o trabalho de Shyamalan por tanto tempo que assistir ‘Vidro’ foi desleixado e chocante. Em seus trabalhos anteriores, ele mostrou conhecimento incrível da linguagem cinematográfica e controle da câmera, mas nada disso se prova no filme, que tem apenas algumas cenas memoráveis entrelaçando um espaço vazio e visualmente fraco”.

Indiewire: “o problema com ‘Vidro’ é que sua intrigante narrativa meta-textual mais rica e atraente que a estúpida história que Shyamalan conta superficialmente”.

Empire: “essencialmente uma sequência “Fragmentado” com extra de “Corpo Fechado”, o filme é mais fraco que os anteriores, mas tem uma quantidade decente de sequencias assustadoras e divertidas, a maioria graças à performance de McAvoy”.

“Vidro” une James McAvoy (Fera), Samuel L. Jackson (Elijah Wood/Srº Vidro), Bruce Willis (David Dunn) e tem Anya Taylor-Joy e Sarah Paulson no elenco. O filme estreia no Brasil dia 17 de janeiro.



Deixe sua opinião:)