Loucos por Filmes

Loucos por Filmes

Destaques

Últimas

Navegação

Mel Gibson critica “Batman vs Superman” & o alto custo dos filmes de super-heróis

Enquanto promovia seu drama de guerra, Hacksaw Ridge, Gibson deixou claro o que pensa sobre Batman vs Superman e os filmes de heróis no geral.
Mel Gibson critica “Batman vs Superman” & o alto custo dos filmes de super-heróis


Quando Batman vs Superman: A Origem da Justiça chegou aos cinemas em março, ele foi trucidado pelos críticos e teve uma aceitação moderada por parte do público, mas mesmo o mais duro crítico pode ter sido mais gentil que Mel Gibson.

O cineasta levou seu mais recente drama de guerra, Hacksaw Ridge, ao Festival de Cinema de Veneza e durante uma sessão de Q & A (perguntas e respostas) ele tinha algumas palavras severas para os filmes de super-heróis em geral, enquanto particularmente destacou o longa do Universo Cinematográfico DC “Batman vs Superman”. A julgar pelos seus comentários, não veremos Mel Gibson em qualquer tipo de filme de super-herói tão cedo.

Aqui está o que ele tinha a dizer quando perguntado (via Deadline) sobre os filmes de super-heróis, antes de oferecer sua opinião concisa sobre BVS.
“Eu olho para eles [filmes de heróis] e coço a cabeça. Estou realmente perplexo com isso. Eu acho que há um monte de desperdício, mas talvez se eu fizesse uma daquelas coisas com as telas verdes eu faria algo diferente. Não sei. Eles custam muito caro. Eu não sei... Parece que podem ser feitos por bem menos. Se você está gastando quantias exorbitantes de dinheiro, US$ 180 milhões ou mais, eu não sei como se obtém retorno depois do imposto cobrado e depois de dar a metade para os exibidores. O que eles fizeram com Batman vs Superman que justifique o custo? E é um pedaço de merda. Eu não estou interessado nisso. Sabe a diferença entre os super-heróis reais e super-heróis de quadrinhos? Super-heróis reais não usam lycra. Então, Lycra deve custar muito caro”.
Quanto aos números de Batman vs Superman, a Warner Bros admite que foram gastos US$250 milhões, embora tenha vindo à tona um relatório que aponta que o orçamento, na verdade, foi de US$400 milhões. Independentemente disso, o retorno de US$872 milhões em todo mundo ainda é visto como uma decepção para o estúdio que estava esperando mais de US$1 bilhão. Seu estúdio de super-herói rival, Marvel Studios, ultrapassou US$1 bilhão com Capitão América: Guerra Civil, que também custou US$250 milhões e fez US$1,1 bilhão no mundo.

O novo filme de Gibson, Hacksaw Ridge, também vai encontrar concorrência direta com um filme de super-herói, indo na mesma semana de lançamento de Doutor Estranho da Marvel.

Hacksaw Ridge é estrelado por Andrew Garfield, Sam Worthington, Luke Bracey, Teresa Palmer, Hugo Weaving e Vince Vaughn. O filme apresenta a história real de Demond Doss (Garfield), o primeiro objetor de consciência a receber a Medalha do Congresso dos Estados Unidos por honra e bravura.


Divulgaí

Deixe sua opinião:)